Mais de 30 mil Piavas São Soltas nos Rios de Treze de Maio

Mais de 30 mil Piavas São Soltas nos Rios de Treze de Maio

Nesta quarta (04), o secretário de Agricultura Albertino Viel, o Engenheiro Agrônomo Geraldo Boêger Eller e o fiscal da Vigilância Sanitária de Treze de Maio, Gelson dos Santos fizeram a soltura de alevinos (filhotes de peixes) de piavas, também conhecidas como lambaris, peixe nativo, nos principais rios de Treze de Maio com o objetivo de controlar a infestação de simulídeos, o popular “mosquito borrachudo” no município, pois estes peixes nativos, estando presentes nos cursos de água, são consumidores permanentes de larvas de borrachudos, já que são considerados como um predador natural importante no controle destes insetos.

O povoamento de peixes nativos é um meio de controle de borrachudos já utilizados em alguns rios do estado para este fim. Conforme declarou Geraldo, “já que a população de peixes nativos nos rios de Treze de Maio foi drasticamente reduzida pela enchente ocorrida no mês maio deste ano, outros fatores ambientais existentes também ajudaram para esta diminuição dos peixes, sendo este um dos motivos que fez elevar a infestações de borrachudos, justificando assim o repovoamento de nossos rios com estes peixes”, justificou.

O Secretário de Agricultura Albertino comentou que foram distribuídos nos rios aproximadamente 30.000 alevinos, os quais foram produzidos pelo produtor João Borba (Janga) a partir de matrizes coletadas dentro de sua propriedade. A Secretaria de Saúde e Promoção Social apoiou a realização deste evento, já que a presença de borrachudos também é um problema de saúde pública e interfere em diversas atividades sociais e econômicas existentes no município.

Fonte: Assessoria de Imprensa PMTM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*