O TERRÍVEL CRIME POR TRÁS DO CARNAVAL

O TERRÍVEL CRIME POR TRÁS DO CARNAVAL

O carnaval nada mais é que uma continuidade moderna das antigas orgias promovidas pelas civilizações babilônica, persa, grega e romana. É a propagação social, disfarçada de diversão, das mais baixas e vis inclinações humanas. Embora existam, de fato, os que querem apenas “brincar” o carnaval, a verdade é que a grande maioria aproveita essa festa para liberar suas fantasias e perversões sexuais! E o resultado disso apenas Deus pode computar devidamente! Recentemente, o programa “Encontro Com Fátima Bernardes” mostrou uma realidade assustadora: Nos últimos oito anos, houve um aumento de 4.000% no número de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST[s]), no Brasil. O que significa um aumento anual de 500%! Isso significa que tem muita gente, por aí, carregando os germes do HIV, do HPV, da Sífilis (a mais comum), da Clamídia, da Herpes genital, da Hepatite B, da Gonorreia, etc. Pessoas aparentemente saudáveis, mas que levam, dentro de si, a condenação do seu próprio comportamento promíscuo!

Se ficasse apenas nisso, já seria algo tremendamente preocupante. No entanto, essas pessoas estarão entre os foliões do carnaval. Terão relações sexuais com homens e mulheres, indiscriminadamente. Por isso, o carnaval é o principal responsável pela disseminação das DST(s). Depois de quatro dias de pura orgia, homens e mulheres voltarão aos seus afazeres; muitos, ignorantes quanto ao fato de estarem contaminados. E, enquanto muitas mulheres acabam engravidando e se contaminando, ao mesmo tempo, outras engravidam posteriormente, desconhecendo sua condição de portadora de DST! E este é o crime terrível por trás do carnaval: a morte prematura ou a deformação física e mental de muitos recém-nascidos! É óbvio que essa trágica realidade ocorre em outras épocas do ano. Mas o carnaval, pela incontinência sexual desmedida, é o auge da prática desse crime hediondo contra a vida humana!

As DST(s) provocam as mais terríveis sequelas no bebê recém-nascido. Isso, quando chega a nascer ou consegue sobreviver ao nascimento! Microcefalia e anencefalia são as mais terríveis. E os pais ainda têm o direito legal de abortar uma criança que nasce nessas condições! Ou seja, são duas vezes culpados! Por provocar a deformação no feto e, depois, usar tal deformidade para justificar a prática abortiva e matar o bebê! Outras consequências da transmissão são: Erupções cutâneas; rinite intensa; lesões na boca, no ânus e genitais; pseudoparalisia; aumento do tamanho do fígado, baço e gânglios linfáticos; surdez; alterações ósseas e dentárias; aborto; parto prematuro; deformações posteriores no organismo da criança; infecção nas articulações e no sangue; aborto; nascimento e morte do bebê; parto prematuro; gravidez ectópica; pneumonia; otite (inflamação dos ouvidos); cegueira; transtornos de desenvolvimento, como o autismo, entre outras doenças e defeitos. Ou seja, uma verdadeira “herança de morte”!

Os números estão aí! Mostram a realidade promíscua da sociedade brasileira! Um país de maioria cristã; que, no entanto, promove uma festa carnal, onde imperam a embriaguez e a carnalidade desmedidas! Sem qualquer responsabilidade moral ou espiritual! Se as consequências ficassem apenas com os que promovem essas orgias, não haveria muito o que lamentar, visto que cada um colhe o que planta. Mas vidas inocentes são afetadas! Seres indefesos que nada fizeram, para receberem tal colheita maldita! A “herança do Senhor” é, dessa forma, maculada, graças ao comportamento desregrado de uma sociedade sem normas que refreiem as suas paixões! Que cada um considere, seriamente, essa questão! Que não se atreva a trazer, ao mundo, uma vida marcada pelas suas concupiscências iníquas! Ninguém faz ideia do terrível preço que será cobrado, quando o Senhor perguntar pelos filhos que se perderam, por conta da irresponsabilidade dos pais! Principalmente, se tiveram suas vidas infelicitadas por alguma deformidade! Que o bom senso possa prevalecer!

Colunista Portal: Ronival Gonçalves

One Comment

  1. A mulher estava vestida de púrpura e vermelho e adornada de ouro, pedras preciosas e pérolas. Segurava um cálice de ouro, cheio de coisas repugnantes e da impureza da sua prostituição. Em sua testa havia esta inscrição:
    MISTÉRIO:BABILÔNIA, A GRANDE;A MÃE DAS PROSTITUTASE DAS PRÁTICAS REPUGNANTES DA TERRA.
    Apocalipse 17:4-5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*